Drenagem

O que são e onde usar os geossintéticos em sua obra?


Postada em 29/01/2019 às 08:00


Todas as classificações permitem uma execução simples e a utilização do solo local para conter terrenos


 


Por Cláudia Ferreira


 


O geossintético é um material plano fabricado a partir de materiais poliméricos (sintéticos ou naturais) usado para diversos problemas em geotecnia (ramo da engenharia civil que trata de projetos ou construção de obras que dependam do comportamento dos solos e/ou das rochas), pois a natureza sintética desse produto o torna próprio para uso em obras de terra onde é exigido um alto nível de durabilidade.


Especialidades dos geossintéticos


 


1. Os geossintéticos são usados especialmente como elementos para reforço de solos, drenos, filtros, camadas de separação ou impermeabilização.


2. Apesar de possuírem forma, composição e dimensões variadas, o funcionamento de todos os tipos de geossintéticos é basicamente simples.


3. A função deste elemento polimérico é dar mais resistência à tração ao solo que, dessa forma, tem mais sustentação para evitar deslizamentos ou inundações.


4. Tirando as geofibras, os geossintéticos, em príncipio, não alteram as características do terreno, pois são colocados de forma que os esforços possam ser transferidos de um material a outro.


 


Classificação dos Geossintéticos


Existe uma “família” de produtos desse tipo, cuja natureza sintética os tornam próprios para utilização em obras de terra, conheça-os!


 


Geotêxteis: mantas contínuas de fibras ou filamentos, tecidos ou não tecidos, dependendo ou não de tramas na estrutura, tricotadas ou costurados, mais utilizados em contenções. As mantas são flexíveis, permeáveis e permitem o escorrimento da água, evitando a saturação do talude (terreno inclinado que serve para dar sustentação e estabilidade ao solo próximo de um planalto).


Geogrelhas: materiais geossintéticos com forma de grelha e muito mais rígidas que o geotêxtil. A principal aplicação das geogrelhas é um reforço dos solos.


Georredes: materiais com aparência semelhante à das grelhas formados por duas séries de membros extrudados paralelos, que se interceptam em ângulo constante.


Geomembranas: mantas contínuas e flexíveis constituídas de um ou mais materiais sintéticos. Possuem baixa permeabilidade e são usadas como barreiras para fluídos, gases ou vapores.


Geocomposto: compostos por um núcleo drenante ligado termicamente a um ou dois geotêxteis que podem ser não tecidos calandrados e agulhados com um filme impermeabilizante.


Geocélulas: pouco usada no Brasil, deve ser aberta e colocada na horizontal apenas perto da face. A resistência à tração em si é assegurada por camadas de geogrelhas.


Geofibras: misturadas ao solo e com funcionamento semelhante ao GFRC (Glass Fiber Concrete Reinforced ou Concreto Reforçado com Fibras de Vidro).


 


Funções dos Geossintéticos


Os Geossintéticos dispõem de diversas funções que fornecem soluções para reforço, melhoramento, estabilização de solos e pavimentos, controle de erosão, tratamento de efluentes, impermeabilização de solos, revestimento de canais e proteção costeira. Veja algumas dessas funções de forma mais específica e descubra qual delas é a mais indicada para o que você precisa.


 


Separação: O geossintético pode atuar na separação de duas camadas de solo que têm distribuições de partículas diferentes. Por exemplo, geotêxteis são usados para evitar que os materiais da base penetrem no solo mole de camadas subjacentes, assim mantendo a espessura da camada de projeto e a integridade da estrada.


Filtração: O geossintético pode desempenhar papel similar a um filtro de areia, permitindo a livre passagem da água através do solo enquanto retém as partículas sólidas.


Drenagem: O geossintético também pode agir como um dreno que carrega o fluido através de solos com menor permeabilidade. Para fluxos mais elevados, drenos geocompostos foram desenvolvidos. Esses materiais têm sido utilizados como drenos laterais de pavimentos, drenos de taludes e drenos de aterros e muros de contenção.


Reforço: Para finalizar, o geossintético pode atuar como elemento de reforço inserido no solo ou em associação com o solo para a melhoria das propriedades de resistência e de deformação do solo natural. O emprego do reforço possibilita a construção de aterros sobre fundações de solos extremamente moles, bem como a de muros íngremes improváveis de serem viabilizados em solos não reforçados.


 


Onde encontrar os melhores geossintéticos do mercado?


Na Geocontract, empresa de distribuição de produtos para construção civil, você encontrará os melhores Geossintéticos para sua obra. Com uma quipe capacitada, experiente e disposta a orientar e recomendar os melhores produtos para cada tipo de obra, a Geocontract alia o alto desempenho aos menores preços sempre.


A Geocontract opera de forma eficiente em obras industriais, residenciais, comerciais, rodoviárias, portuárias e aeroportuárias, e oferece mais de 450 certificações em seu catálogo, que atendem os mais diversificados projetos. Adicione ao carrinho todos os geossintéticos e outros produtos que você precisa e surpreenda-se com a qualidade, atendimento e preço justo da empresa número um em distribuição de peças técnicas para engenharia.